terça-feira, 26 de outubro de 2010

PREFEITA MICARLA DE SOUSA NOMEIA A RAINHA DO TWITTER

O Twitter tirou muita gente do anonimato e emergiu às páginas, holofotes e flashes.

Pessoas que montaram estratégias para chamar atenção daqueles que fazem e são notícia, como jornalistas, empresários, políticos…

Poucos atingiram o objetivo. Poucos souberam agarrar com tentáculos de um polvo a oportunidade que passava como um cavalo selado.

A mais esperta de todas, que se tornou até a Rainha do Twitter, foi a até então desconhecida Thalita Moema. Que também tem Alves no sobrenome. Não o Alves de tradição política no Estado. Pois.

Do Twitter a um lugar ao sol. Desde que apareceu e cresceu que TM vem somando contratos nas searas políticas. De lho em sua popularidade na comunidade tuiteira, foi convidada para atuar na campanha do deputado Fábio Faria, da senadorável Wilma de Faria, do primeiro-cavalheiro Miguel Weber…pelo menos era o que deixava transparecer no seu microblog de poucos mais de três mil seguidores. Conquistou muitos afetos. Mas logo vieram os desafetos. Pela sua mudança de conduta.

Mas, não importa. Thalita Moema chegou aos degraus das atividades profissionais que geram boa renda. Quando iniciou no Twitter, era estagiária da Secretaria de Cidadania do Governo.

Hoje, ela foi nomeada pela prefeita Micarla de Sousa para cargo comissionado da Secretaria do Gabinete da gestão-borboleta. Atuará como ‘Assistente de Projetos Comunitários’.

ELIANA LIMA

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Ibope divulga intenção de voto para segundo turno da eleição presidencial

A disputa começa mais acirrada: Dilma Rousseff, do PT, tem vantagem de seis pontos percentuais sobre José Serra, do PSDB, e venceria se a eleição fosse realizada nessa quarta-feira (13).
O Ibope divulgou, nesta quarta-feira, uma pesquisa de intenção de voto para o segundo turno da eleição presidencial.

Segundo o instituto, a disputa começa mais acirrada. Dilma Rousseff, do PT, tem vantagem de seis pontos percentuais sobre José Serra, do PSDB, considerando os votos totais. Para o Ibope, Dilma venceria se a eleição fosse nesta quarta.

Dilma Rousseff tem 49% das intenções de voto. Com a margem de erro, tem de 47% a 51%. José Serra aparece com 43%. Com a margem de erro, tem de 41% a 45%. Brancos e nulos somaram 5%. Indecisos, 3%.

O Ibope informou que a pesquisa permite comparações com as sondagens realizadas antes do primeiro turno, mas faz uma ressalva: segundo o instituto, nas pesquisas feitas antes de 3 de outubro, a pergunta sobre a intenção de voto no segundo turno era hipotética. Hoje é um cenário real.

Na simulação de segundo turno divulgada no dia dois de outubro, Dilma tinha 51%, e Serra 37%. A diferença entre os dois candidatos era de 14 pontos percentuais.

De acordo com Ibope, na pesquisa divulgada nesta segunda-feira, Dilma oscila negativamente dentro da margem de erro enquanto Serra cresce seis pontos percentuais. Agora, a diferença entre os dois caiu para seis pontos.

O Ibope também divulgou a pesquisa dos votos válidos, que exclui brancos, nulos e eleitores indecisos. Neste cenário, Dilma Rousseff aparece com 53% dos votos válidos. Com a margem de erro, tem de 51% a 55%. José Serra tem 47%. Com a margem de erro, tem de 45% a 49%.

Nesta pesquisa encomendada pela TV Globo e pelo jornal O Estado de São Paulo, o Ibope ouviu 3.010 eleitores de segunda-feira (11) até quarta (13).

JORNAL NACIONAL

Pesquisa Vox Populi/iG mostra Dilma com oito pontos de vantagem sobre Serra

Pesquisa Vox Populi/iG divulgada nesta quarta-feira mostra que a candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, está oito pontos à frente de José Serra (PSDB). A petista aparece com 48% das intenções de voto, contra 40% para Serra.

O Vox Populi ouviu 3 mil eleitores em todo o país, nos dias 10 e 11 de outubro. A margem de erro é de 1,8 ponto percentual para mais ou para menos. Votos brancos e nulos somam 6% e os indecisos também são 6%.

O Vox Populi ainda perguntou aos entrevistados sobre o debate Band, no último domingo. Do total, 22% responderam que assistiram o debate total ou parcialmente. Outros 39% declararam que ouviram falar.

JORNAL DA BAND