quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Conselho de Medicina interdita unidades do Walfredo por falta de médicos

As duas Unidades de Tratamento Intensivo (Uniti 1 e 2) do Hospital Walfredo Gurgel foram interditadas no início da tarde desta terça-feira (24), pelo Conselho Regional de Medicina (CRM). Segundo a assessoria de imprensa da entidade, os setores funcionam como unidades intermediárias entre a internação hospitalar ambulatorial de enfermaria e a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), aceitando pacientes com estado de saúde grave e que exigem cuidados especiais. Numa fiscalização de rotina, segundo o CRM, conselheiros identificaram a falta de médicos plantonistas, o que seria uma exigência legal para o funcionamento deste tipo de unidade de internação hospitalar. "Constatamos uma situação irregular, o que é lamentável, e ao Cremern não restou senão a decisão de interditar o serviço até que os gestores da saúde pública encontrem a solução adequada para o problema", afirmou o presidente, Luís Eduardo Barbalho de Mello. Segundo o médico, a fiscalização identificou, ainda, que há turnos inteiros em que essas unidades funcionam sem médico, o que é ilegal e coloca em risco de morte os pacientes internados. O Conselho acrescentou que, agora, os gestores públicos estaduais da saúde terão que encontrar leitos em UTIs para transferir os 20 pacientes que estão internados.
Sindicato Apesar de ainda desconhecer a interdição, o presidente do Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed/RN), Geraldo Filho, confirmou que a situação das unidades do Walfredo Gurgel é crítica e que, em alguns setores, não há sequer médicos. "Há lugares que são verdadeiros depósitos de pacientes, muitos deles em situação delicada, fazendo uso de respiradores", descreveu. Geraldo Filho acredita que é preciso unir forças entre o sindicato e a Secretaria Estadual de Saúde (Sesap) para encontrar soluções para a falta de médicos na rede pública. "Deve-se pensar em meios de atrair o médico para o serviço público. A classe tem 'fugido' destes trabalhos", disse. O presidente ressaltou, ainda, que alguns profissionais que assumiram após a convocação do último concurso da secretaria, pediram demissão. Sobre o mesmo certame, Geraldo Filho afirmou que ainda há aprovados que não foram convocados, e que a Sesap justificou a não nomeação com o "limite prudencial".
Secretaria
A Sesap afirmou, por meio da assessoria de imprensa, que ainda não foi oficialmente notificada pelo Cremern da interdição, mas procurou o Conselho para obter informações da decisão. A secretaria informou que vai tomar as providências cabíveis.

Prefeitura cria Gabinete de Gestão Integrada Municipal

Em decreto publicado nesta quarta-feira (25) no Diário Oficial do Município (DOM) a Prefeitura de Natal criou o Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M). O órgão será vinculado diretamente à Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes). A criação do GGI-M pode ser visto no decreto Nº. 8.951 do DOM.O gabinete funcionará como um agente articulador de diversas estratégias de prevenção da violência. O trabalho será feito a partir da análise de informações coletadas e armazenadas pelas instituições de Segurança Pública. O órgão discutirá conjuntamente os problemas, o intercâmbio de informações, a definição de prioridades de ações e a articulação dos programas de prevenção da violência no âmbito municipal.Em suas ações o GGI-M tentará promover a integração e cooperação das relações dos múltiplos órgãos das diferentes esferas governamentais (municipal, estadual e federal) no município. O órgão funcionará na estrutura da Semdes para fins de suporte administrativo, operacional e financeiro.O Gabinete de Gestão Integrada Municipal será composto pelo secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Social; comandante da Guarda Municipal do Natal; delegado geral da Polícia Civil, comandante geral da Polícia Militar; comandante do Corpo de Bombeiro Militar; representante do Conselho Tutelar; presidente do Conselho Comunitário de Segurança Pública; delegado geral da Polícia Rodoviária Federal; delegado geral da Polícia Federal; representante da Defensoria Pública; representante do Ministério Público; presidente da Câmara do Município do Natal; secretário Municipal de Mobilidade Urbana; juiz Titular da Vara Criminal; e juiz da Vara da Infância e da Juventude.

PT e PMDB se reúnem para tentar resolver entraves em alianças estaduais

As cúpulas do PT e do PMDB se reuniram hoje (25) para discutir as composições das alianças regionais e tentar repetir ao máximo nos estados a coligação nacional para a candidatura da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff.Na saída do encontro, o líder do governo no senado, Romero Jucá (PMDB-RR), admitiu no entanto que há estados onde será difícil compor uma aliança entre PT e PMDB, o que levará o partido a fazer alianças “heterodoxas”, ou seja com partidos fora da aliança nacional. Jucá citou como exemplos Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul, Pernambuco e São Paulo. Apesar disso, o parlamentar ressaltou que o acordo com o PMDB já está formatado e consolidado.Segundo ele, alguns desafios, no entanto, precisam ser superados até março, como agregar partidos à campanha de Dilma, que não fazem parte da aliança nacional e contornar os problemas com o aliado PSB, que já fala em lançar a candidatura do deputado Ciro Gomes e deixar para um eventual segundo turno as conversas sobre um possível apoio à Dilma. Ele considerou legítima, no entanto, a iniciativa do partido.“Todos partidos são fundamentais. PT e PMDB não ganharão as eleições sozinhos. E os outros partidos vão se agregar. Haverá espaço definido para cada um”, disse. “Até lá, temos que preparar o meio de campo para poder chutar a gol”, completou Jucá sobre a composição do cenário.O parlamentar destacou, entretanto, que o PMDB é um partido com “musculatura muito forte”, que tem a maioria dos vereadores e deputados estaduais, além disso forma a maior bancada na Câmara e no Senado, com as respectivas presidências das Casas. Ele considerou natural que o partido componha com o PT a chapa para eleição de Dilma Rousseff.

Tropa governista diz que oposição está com “dor de cotovelo”

Em meio às denúncias da oposição, os deputados que integram a base governista na Assembleia Legislativa reagiram. Em aparte ao discurso de Larissa Rosado, o deputado estadual Ezequiel Ferreira de Souza (PTB) afirmou que “só não acreditava na legalidade da iniciativa quem não quer”.Em seguida, Gustavo Carvalho (PSB) acusou Getúlio de estar com “dor de cotovelo” devido as obras realizadas pelo Governo Wilma de Faria (PSB). Além disso, o pessebista levou ao plenário duas ações civis públicas que correm na Justiça contra o prefeito de Pau dos Ferros, Leonardo Nogueira (DEM), filho de Getúlio, ambas criadas a partir do Ministério Público Estadual (MPE) com denúncias de improbidade administrativa. “Mas não é por essas denúncias existirem que vou achar que o prefeito de Pau dos Ferros é improbo. Acho que a oposição está com um discurso pequeno e tacanho. O RN cansou disso”, disse Gustavo.O terceiro aliado wilmista a pedir aparte foi o deputado Nélter Queiroz (PMDB), sucedido por Lavoisier Maia (PSB) e Wober Júnior (PPS). Este último, também partiu para o ataque. “Em uma entrevista o deputado João Maia disse que não conhece nenhum projeto da senadora Rosalba Ciarlini para o RN. Nós poderíamos perfeitamente explorar isso aqui, mas não é este o nosso objetivo. Queremos discutir o futuro do Estado, deveríamos sim discutir os benefícios da Adutora”, afirmou.Em resposta, Getúlio disse, primeiro para Gustavo Carvalho, que jamais teve “dor de cotovelo para nada”. “Se você tem, não me coloque como vítima também”, completou em seguida. Depois, se dirigiu aos demais posicionamentos favoráveis ao Governo. “Alguém quer desvirtuar o debate. Não estamos discutindo a Adutora porque todos nós somos favoráveis a ela. É preciso abordar sim o oportunismo de transformar um programa do governo em alavanca política”, disse.Por fim, coube ao deputado estadual José Dias (PMDB) fazer uma espécie de resumo de quase todos os pronunciamentos ditos na tarde de ontem. “Cada palavra dita aqui, é mais uma pá de cal em cima de um problema sério. É um bingo eleitoral que, se é feito com dinheiro do Estado, não tem como ter legalidade. Se fosse legal, não tinham escalado tanta gente para defender o Governo”, finalizou o peemedebista.

Oposição afirma que o governo distribui presentes para alavancar candidatura de Iberê Ferreira

A polêmica distribuição de brindes em forma de sorteios para cidadãos do interior foi o assunto principal da Assembleia Legislativa na tarde de ontem. Depois da denúncia do deputado estadual Getúlio Rego (DEM), os membros da base governista defenderam o Executivo e levantaram acusações contra os representantes da oposição. Para Gustavo Carvalho, o democrata está com “dor de cotovelo” pelas obras realizadas durante a administração Wilma de Faria (PSB).Partiu da líder do Governo da Assembleia, deputada estadual Larissa Rosado (PSB), iniciar o debate. A parlamentar entregou a Getúlio uma cópia do contrato feito entre a Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) e a empresa KL Engenharia, que assina os cupons distribuídos pelo interior. “O objetivo da instituição é promover a divulgação da obra (Adutora do Alto Oeste). A intenção é realizar a mobilização social voltada para a promoção do projeto, fazendo a população se comprometer com a Adutora”, disse a parlamentar.Com os documentos em mãos, Getúlio afirmou que o processo era mais uma prova da irregularidade. O Democrata disse que estava previsto apenas a entrega de bicicletas para os alunos inscritos no concurso de redação das escolas estaduais. “Não se fala na distribuição das geladeiras. Quem pagou pela compra desses produtos? Quanto foi gasto? Onde está a licitação para isso? A assessoria do Governo passa informações que não correspondem com a realidade, estão totalmente distorcidas”, criticou o líder do DEM.Larissa explicou que o sorteio dos brindes era mais uma estratégia, como a do concurso de redação, para envolver a população no projeto, e que cabia apenas a KL Engenharia a definição das propostas para este objetivo. “A senhora não pode ser utilizada para falsear a verdade”, disse Getúlio para Larissa. “O contribuinte está pagando a farra. Qual é o processo licitatório para comprar geladeiras e bicicletas. Esta história do concurso de redação é uma farsa montada para colocar um pára-choque nesse escândalo. O Governo criou um novo estilo de governar: distribuir presentes para alavancar uma candidatura”, completou o democrata.A pessebista insistiu na sua defesa. Larissa argumentou que os convites estavam sendo distribuídos publicamente nas cidades onde eram realizados os encontros, disse que vereadores dos municípios também participavam das discussões e negou qualquer interesse político no projeto.

Presídio Federal em Mossoró ainda não detém nenhum preso

Em junho deste ano, foi inaugurado o Presídio Federal em Mossoró, uma unidade de privação de liberdade para presos considerados de alta periculosidade, como detentos acusados de formação de quadrilha, homicídio, tráfico internacional de drogas e de armas de fogo, seqüestro e extorsão. Inaugurada oficialmente há cerca de quatro meses, a unidade prisional, caracterizada como uma penitenciária de segurança máxima especial, que deveria ter começado a receber presos no mês de julho, ainda não conta com nenhum detento em suas instalações.Ao ser questionado sobre a demora para que o prédio, já pronto, entre em plena atividade e possa atender os 208 presos (capacidade máxima) do sexo masculino, o Diretor do presídio Ronaldo Glauco de Freitas Maia disse que existe um impasse burocrático. "Faltam algumas pendências burocráticas a serem resolvidas pelo Depen, como legalização de certos documentos." Além da questão burocrática, Ronaldo Maia explicou que a admissão do preso num presídio federal, condenado ou provisório, depende de uma decisão prévia e fundamentada do juízo federal competente, provocada pelo juízo responsável pela execução penal ou pela custódia provisória. "Ele (o condenado) pode até ser preso do sistema carcerário de qualquer Estado, mas só é aceito em qualquer penitenciária federal se um juiz federal assim determinar", ressaltou Ronaldo Maia. O presídio federal na cidade, o quarto a integrar o Sistema Prisional Federal (SPF), idealizado pelo Ministério da Justiça (MJ), e o único da região Nordeste, está pronto desde o início deste ano. Uma equipe com cerca de 76 agentes penitenciários, que já passaram até por um treinamento ministrado pela Gerência Penitenciária de Operações Especiais, em Brasília, dentre outros especialistas em assistência penitenciária, já está dando expediente "normal".Possíveis transferências Segundo o site do Ministério da Justiça, a área de inteligência penitenciária do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) está selecionando entre 10 e 20 presos que cumprem pena na Penitenciária Federal em Campo Grande (MS) para removê-los, mediante autorização judicial, para uma das outras três unidades federais: Catanduvas (PR), Porto Velho (RO) e ou Mossoró (RN). Essa ação tem a finalidade de isolar os líderes das facções criminosas e afastá-los de suas áreas de atuação. Além disso, ainda existem quatro presos estrangeiros, que foram detidos aqui no estado e encaminhados para cumprimento de pena no Presídio Federal de Campo Grande - MS. Existem ainda, dois presos do Estado cumprindo pena no Presídio Federal de Catanduvas - PR.

Deputados e senadores definem emendas do RN ao OGU

Além das consensuais, os parlamentares escolheram, de forma individual, as outras 11 emendas ao OGU. O deputado federal Felipe Maia (DEM) anunciou que enviará sua emenda coletiva para o contorno de Mossoró - BR 110 - Avenida Francisco Mota. O deputado Fábio Faria (PMN), coordenador da bancada federal do RN, destinou sua emenda para a construção do Açude Poço de Varas, no Alto Oeste. O deputado João Maia (PR) escolheu a adequação de contornos nas cidades de Caicó e Currais Novos. A ampliação do Aeroporto de Mossoró recebeu emenda da deputada Sandra Rosado (PSB). A deputada Fátima Bezerra (PT) beneficiou o município de Parnamirim, destinando recursos para drenagem. O senador Garibaldi Alves Filho contemplou os municípios da região metropolitana, também com a destinação de recursos para drenagem. O deputado Henrique Alves utilizou sua emenda para apoiar projetos do perímetro irrigado do Mendubim , na região do Vale do Açu.O deputado Rogério Marinho (PSDB) sugeriu a instalação do Centro de Educação à Distância na região metropolitana. A senadora Rosalba Ciarlini atendeu ao pleito da UFRN, que pediu uma emenda para a ampliação e reforma de hospitais universitários e construção do Instituto Internacional de Física. O deputado Betinho Rosado ainda não comunicou sua sugestão de emenda.“Ainda conseguimos encontrar uma solução para a conclusão da sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e também vamos contemplar o pleito da UERN para a instalação do Núcleo de Biotecnologia no novo campus que está sendo construído na zona Norte de Natal, através de emendas individuais assumidas por todos os parlamentares”, informou o coordenador da bancada federal do RN. O relatório final será entregue à Comissão de Orçamento ainda hoje.Apesar de as emendas estarem prontas para serem enviadas, a vinda dos recursos sugeridos pelos deputados ainda não é certa. Para que o Estado receba os investimentos federais, é necessário que as emendas sejam aprovadas pelo Congresso. Agora, o desafio da bancada é pela aprovação das propostas.

Vice-governador se reúne com bancada federal do RN

Em mais um compromisso de relevância para o governo, Iberê Ferreira se reuniu, na manhã de hoje, em Brasília, com a bancada federal do Rio Grande do Norte, para discutir as emendas coletivas que serão enviadas pelos parlamentares ao Orçamento Geral da União (OGU). O Rio Grande do Norte tem direito a apresentar 18 emendas coletivas. Dessas, cada deputado e senador escolhe uma, totalizando 11. As sete emendas restantes devem ser definidas por meio de consenso. As emendas devem ser informadas à Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional até às 18 horas.Das emendas sugeridas pelo governo do Estado, foram aprovadas, entre as emendas de consenso, a destinação de R$ 40 milhões para a segurança pública; o pedido de R$ 20 milhões para a construção do Terminal Pesqueiro; o envio de R$ 30 milhões para a construção da Barragem das Oiticicas; e os recursos necessários para a recuperação da BR-110Os pleitos do governo para a continuação da estrada parque da Praia de Pipa, que custaria R$ 28 milhões; a construção da Via Metropolitana com acesso ao novo Aeroporto de São Gonçalo, no valor de R$ 40 milhões; e o prolongamento da Avenida Prudente de Morais, que custaria R$ 20 milhões, não foram atendidos pela bancada.Entre as emendas de consenso também foram aprovadas a construção do campus da Universidade Federal Rural do Semi-árido (Ufersa), em Pau dos Ferros; a nova sede do Ministério Público Federal (MPF); e a drenagem do bairro de Lagoa Nova, em Natal, onde será erguida a Arena das Dunas.

Iberê assume ações administrativas do Governo em momento decisivo

Quatro meses antes de se tornar definitivamente o chefe do poder executivo estadual, o vice-governador Iberê Ferreira de Souza (PSB) assume interinamente o comando das ações governamentais. O socialista substitui a governadora Wilma de Faria (PSB), que está com uma virose, na agenda desta semana, que está sendo marcada por compromissos decisivos para o rumo da gestão estadual.Enquanto a governadora se recupera do problema de saúde, Iberê anuncia medidas para melhorar a segurança do Estado; se reúne com a bancada federal do RN para discutir as emendas coletivas a serem sugeridas pelo RN ao Orçamento Geral da União (OGU); e ainda representa o governo na busca por recursos nos ministérios, em Brasília.As ações de destaque do vice-governador já indicam o processo de transição do governo Wilma, que se desincompatibilizará do cargo em abril para disputar uma vaga no Senado, para a gestão de Iberê, que será o governador em exercício e disse que sua candidatura à reeleição é irreversível.Referendando a participação incisiva que possui no governo, Iberê Ferreira anunciou, ontem, em entrevista coletiva, a convocação de 650 suplentes do concurso de 2005 para a Polícia Militar (PM) do Rio Grande do Norte. “Esses novos policiais serão integrados aos quadros da PM em junho do próximo ano, quando eu já estarei no comando do Governo do Estado, então a governadora me autorizou a fazer o anúncio", explicou.O anúncio feito pelo socialista coloca um fim na batalha travada entre o governo e os suplentes que aguardavam convocação. Além disso, mostra atitude do vice-governador diante dos problemas de segurança enfrentados no Estado. A imagem de Iberê já começa a ser ligada aos pontos positivos do governo. Se por um lado o nome de Wilma sofre certo desgaste com os problemas, por outro Iberê vem aparecendo com a solução. O vice-governador já ensaia os primeiros passos para o “teste drive” que pretende conceder à população do Rio Grande do Norte antes das eleições, como governador de fato e de direito.Uma fonte ligada à administração estadual informou que o vice-governador é reconhecido como o chefe do executivo em todas as pastas do governo. Ela disse ainda que o pessebista tem trânsito livre e poder de decisão nas medidas adotadas pelo executivo. “Agora, Iberê já está anunciando as ações ele mesmo. Mas, há alguns meses, ele já é tratado como governador por nós funcionários”, destacou a fonte.

sábado, 21 de novembro de 2009

SEM NOVIDADES DE NOVO!

O PRESIDENTE LULA QUE ESTEVE NO RIO GRANDE DO NORTE NA ÚLTIMA QUINTA-FEIRA DIA 19/11, NÃO TROUXE NENHUMA NOVIDADE PARA NÓS. O ÚNICO COMPROMISSO DE LULA FOI ASSINAR UM PROTOCOLO PARA AMPLIAR A MINI-REFINARIA CLARA CAMARÃO.
ESSE GOVERNO TEM MUITO BLÁ BLÁ BLÁ!

Wilma participa da formatura de 743 novos policiais militares

A governadora Wilma de Faria foi hoje ao Palácio aos Esportes... Para a formatura de 743 novos policiais. Pelos números do governo, em 6anos de administração, 3.500 homens foram incorporados à Polícia Militar do Rio Grande do Norte. “Temos feito a nossa parte. Investimos em equipamentos, estrutura e material humano para combater a organização do crime”, disse a governadora. Os policiais serão distribuídos em 5 municípios: Natal - 217 soldados Mossoró – 210 soldados Assu – 107 soldados Caicó – 72 soldados Pau dos Ferros – 50 soldados

MULTIDÃO VAI A PROGRAMAÇÃO DA PADROEIRA DE NATAL


NESTE SÁBADO 21, DIA DA PADROEIRA DE NATAL, UMA MULTIDÃO DE FIÉIS ACOMPANHAM A PROGRAMAÇÃO. ALÉM DOS POPULARES, UM BOM NÚMERO DE AUTORIDADES POLÍTICAS COMPARECERAM A PROCISSÃO.

Programa para evitar contato de jovens com as drogas merece ser aplaudido

Em tempos onde os jovens consomem cada vez mais drogas, e se envolvem cada vez mais cedo, um programa como o Proerd merece aplausos. E o que é mais interessante: não apenas direcioná-lo para a rede pública, já que o caminho das drogas não distingue classe social para ser seguido. O Rio Grande do Norte é o único Estrado do país com um batalhão próprio para tratar do combate às drogas: a Companhia de Prevenção às Drogas (Cipred). “Este é um trabalho de uma imensa magnitude, no qual a polícia interage diretamente com a sociedade, e assim atingimos nossos objetivos de uma forma mais fácil. Hoje, posso garantir que esses jovens e adultos estão preparados e seguros para enfrentar o mundo das drogas”, destacou a Major Margarida, comandante da Cipred. Na segunda-feira, a equipe de capacitação do Proerd do RN estará em Belo Horizonte/MG, participando dos cursos para o ensino médio e educação infantil, na intenção de implantar, no primeiro semestre de 2010, os novos cursos no Rio Grande do Norte. Além de alunos da rede pública, participaram da solenidade alunos atendidos pela Fundação Bradesco, Projeto "Vida na Vila", do Sesc, Peti e Fundac – Fuzileiros Navais, Programa Nacional de Inclusão de Jovens – Projovem, Educação para Jovens e Adultos (Eja), Associação de Orientação aos Deficientes do RN (Adote) e Militares da Marinha do Brasil. A Entre as atrações culturais apresentadas, a banda de música da PM, o Circo Grock e a banda Grafith.

Wilma amplia de 3 mil para 35 mil o número de jovens assistidos pelo PROERD

Mais de 12 mil estudantes lotaram agora há pouco o ginásio Machadinho, em Natal. Para a solenidade de formatura de mais uma turma do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd)...menina dos olhos da governadora Wilma de Faria. Que anunciou durante o evento: O programa que atende alunos do ensino fundamental, tentando evitar o primeiro contato com as drogas, será estendido aos estudantes do ensino médio. A governadora se orgulha do Proerd. Quando assumiu o governo, há 7 anos, apenas 5 pessoas tocavam o projeto. Hoje já existe uma companhia específica dentro da PM, com 75 instrutores atendendo crianças do 5º ano do ensino fundamental I, do 7º ano do Ensino Fundamental II, além de pais ou responsáveis que participam de cursos. No primeiro semestre o ginásio Machadinho ficou lotado para a formatura de estudantes da rede particular. Hoje foram formadas as turmas dos alunos de 75 escolas públicas. Nos últimos 7 anos, o Proed – parceria do governo com o Corpo de Bombeiros - já atendeu um total 87 mil alunos. “Esse é um programa que tenho um carinho todo especial. Fazemos um trabalho sério e educativo que chega aos alunos, pais e toda a comunidade. É uma união de esforços que renderá frutos muito importantes no futuro, já que estamos trabalhando a base na prevenção às drogas”, disse a governadora, que estava no Machadinho ao lado do vice-governadorável Iberê Ferreira de Souza e da prefeita de Natal, Micarla de Sousa. Wilma fazia as contas e comemorava: Em 2003, o Proerd atendeu apenas 3 mil jovens e contava apenas com 5 monitores. Hoje são atendidas cerca de 35 mil crianças por ano, em 450 escolas do Estado.

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

PROMESSA É DÍVIDA!

GOSTARIA DE COBRAR AOS SECRETÁRIOS DA SEMSUR E SEMURB AS PROMESSAS QUE FIZERAM E QUE NÃO CUMPRIRAM ATÉ AGORA. A PROMESSA POR PARTE DA SEMSUR É DE QUE RECOLOCARIAM O PAINEL DE IDENTIFICAÇÃO DO MERCADO PÚBLICO DAS QUINTAS E A PROMESSA FEITA PELO SECRETÁRIO DA SEMURB KALAZANS BEZERRA ERA QUE COLOCARIAM PLACAS DE IDENTIFICAÇÃO EM TODAS AS RUAS DO BAIRRO DAS QUINTAS. ESTAMOS ESPERANDO PELO CUMPRIMENTO DAS PROMESSAS QUE FORAM FEITAS DESDE AGOSTO PASSADO.

DECORAÇÃO NATALINA NOS BAIRROS DE NATAL

PARABENIZO A PREFEITURA DO NATAL E A SEMSUR AO INCLUIR OS BAIRROS DE NATAL NA PROGRAMAÇÃO DO NATAL EM NATAL. SEGUNDO INFORMAÇÕES AS PRINCIPAIS RUAS DOS BAIRROS RECEBERÃO DECORAÇÃO NATALINA.

TORNEIO DE GOLFE:

O CAC (Centro de Apoio a Criança) estará realizando no dia 28/11 no SESI de Lagoa Nova o 1° torneio de golfe amador Marcilio Canário. O evento é direcionado aos estudantes das escolas públicas e privadas do bairro das Quintas e tem a finalidade ensinar as crianças a praticar o esporte e de quebrar o paradigma de que a prática do golfe é voltada para a classe rica.

GESTÃO DEMOCRÁTICA NAS ESCOLAS ESTADUAIS

As escolas estaduais estão passando pelo processo de gestão democrática que realiza as eleições para direção escolar que ocorrerá no dia 09/12. A gestão democrática é de fundamental importância para o fortalecimento das escolas e é importante a participação de toda comunidade escolar neste processo, principalmente a participação dos pais dos alunos. Só teremos uma escola de boa qualidade e uma gestão forte com a participação de todos nós.

MOBILIZAÇÃO DA BANCADA FEDERAL DO RN:

Esperamos que a nossa bancada federal de deputados e senadores dêem importância a dois projetos de relevância que tramitam no congresso nacional.
Primeiro é o Projeto de Lei de iniciativa popular sobre a vida pregressa dos candidatos, PL 518/09 denominado de “FICHA LIMPA”, considero de fundamental importância a aprovação desta lei para que possamos moralizar a política em nosso país. O outro projeto é a PEC 42/2008 que trata sobre assuntos da juventude e que cria o plano nacional da juventude.

POLÍTICA COMUNITÁRIA:

O bairro das Quintas se prepara para a realização da eleição para o Conselho Comunitário e de acordo com as regras estatutárias até o dia 23 de outubro passado ocorreu o cadastramento dos novos sócios do Conselho Comunitário que terão o direito de votar na eleição que ocorrerá em abril de 2010. Neste período pós-cadastramento a diretoria do Conselho Comunitário tem se reunido semanalmente com uma comissão fiscalizadora, no sentido de avaliar todo o cadastramento e inserir em um banco de dados.
Com toda essa movimentação para a realização da eleição comunitária os possíveis candidatos estão em clima de euforia aguardando o inicio do processo eleitoral. Os pré-candidatos são muitos, existem nomes tradicionais conhecidos pela comunidade e alguns outros nomes que só surgem agora neste período pré-eleitoral e ainda há candidaturas que surgem do segmento de jovens e que querem trabalhar para o surgimento de novos lideres na comunidade.
Pelo jeito o bairro das Quintas vai pegar fogo nesta eleição comunitária.

COMISSÃO DO ANIVERSÁRIO DO BAIRRO DAS QUINTAS ALMOÇA COM O VEREADOR EDIVAN MARTINS




NESTA TERÇA-FEIRA DIA 17 A COMISSÃO QUE ORGANIZOU O ANIVERSÁRIO DE 292 ANOS DO BAIRRO DAS QUINTAS QUE FOI REALIZADO EM 1º DE SETEMBRO, ALMOÇOU COM O VEREADOR EDIVAN MARTINS. A CONVERSA SERVIU PARA AVALIAÇÃO DO EVENTO QUE FOI POSITIVO E PARA TRATAR DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS RELACIONADOS AO BAIRRO DAS QUINTAS. A CONVERSA FOI REGADA DE MUITA DISCONTRAÇÃO. ESTIVERAM PRESENTES AO ALMOÇO VERIDIANO LEOCÁDIO, MANO DA IGREJA, BRUNO GOMES, JEFFERSON SANDRO, ALEX MELO, BETÃO DA CIGARREIRA, MARCILIO PONTES, ABIGAIL XAVIER, WALQUIRIA DANTAS E VANDERSON GOMES.

Lula e Dilma visitam obras da Refinaria Clara Camarão em Guamaré

O presidente e a ministra desembarcam às 14h em Parnamirim. Governadora assinará termo com Petrobras para ampliar capacidade da refinaria.
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva chega ao Rio Grande do Norte amanhã (19) para visitar as obras da Refinaria Clara Camarão, na cidade de Guamaré, orçada em R$ 200 milhões e com previsão para entrar em operação no segundo semestre do próximo ano. A assessoria de imprensa da Presidência da República confirmou a presença da ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) na comitiva presidencial.Lula e Dilma devem desembarcar às 14h, no avião presidencial, na base aérea de Parnamirim e, em seguida, seguem de helicóptero, juntamente com a governadora Wilma de Faria (PSB), para Guamaré. A programação no município deve começar às 14h30. Além de Dilma Rousseff, o ministro Edison Lobão (Minas e Energia) e o presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, integram a comitiva do presidente Lula. O presidente retorna para Brasília às 17h.A Refinaria Clara CamarãoA refinaria do Rio Grande do Norte vai ser a primeira, entre as demais anunciadas pelo presidente Lula, a entrar em funcionamento. Durante a visita, a governadora assina termo de compromisso com a Petrobras para oficializar as obras de infra-estrutura com vistas a ampliar a capacidade já instalada e implantar a unidade de produção de gasolina.A Refinaria Potiguar Clara Camarão processa atualmente petróleo produzido nos campos de terra e mar do Rio Grande do Norte. Também poderá processar petróleo do pré-sal. A nova refinaria será a 12ª a entrar em operação no país e a oitava maior do Brasil. Somente na primeira fase deve gerar 700 empregos diretos e até 5 mil indiretos nas indústrias satélites, bases, terminal e transporte."A refinaria de petróleo era um sonho antigo do Estado que está se tornando realidade. E o mais importante é que o seu projeto é viável e vai se concretizar em um curto espaço de tempo. A partir do próximo ano, já teremos a nossa tão esperada refinaria que vai gerar mais empregos e desenvolvimento para o Rio Grande do Norte", destacou a governadora.A capacidade de processamento do Pólo Industrial da cidade será de até 80 mil barris de petróleo por dia, maior que, pelo menos, quatro outras refinarias no país. Com as novas obras de infra-estrutura e ampliação, a refinaria produzirá 4,5 mil barris diários de gasolina, o que tornará o Estado autossuficiente em relação a este produto.O Pólo Industrial de Guamaré já recebeu investimentos da ordem de 1,6 bilhão de dólares. O investimento na ampliação das instalações será de 191 milhões de dólares, totalizando 1,8 bilhão de dólares. Após as obras, a Clara Camarão contará com um novo quadro de bóias com capacidade para atracar navios de 50 mil toneladas, além de uma unidade de produção de gasolina automotiva.